spot_img

Leia a nossa última edição

Segundo dia de treinamento dos novos guarda-vidas

salva vidas

Nesta terça-feira (16/01) a piscina do Complexo Esportivo Leonel de Moura Brizola, no Flamengo, recebeu os 45 novos guarda-vidas, recém-aprovados no Processo Seletivo Simplificado da Defesa Civil, para um intenso treinamento físico. A atividade faz parte de um cronograma devidamente elaborado que tem como objetivo capacitar a equipe para atuar nas praias de Maricá.

Antes de cair na água, a equipe, que estava em seu segundo dia de treinamento, realizou uma corrida em grupo que seguiu até o Centro, passou pelo prédio da Prefeitura e retornou ao complexo esportivo. Foram aproximadamente 5 km percorridos em menos de 30 minutos sob o comando do coordenador do curso, o major Gilvane Dias. “Essa corrida em pelotão é para que eles entendam a importância do trabalho em equipe”, explicou o major Gilvane Dias. “Com ela conseguimos avaliar tanto o lado físico como a capacidade deles de trabalhar em equipe”, completou. “E, a partir de agora o dia será todo na piscina. Primeiro faremos um aquecimento e depois seguimos com técnicas de salvamento até o fim da tarde”, detalhou o major.

Além de permitir uma melhor avaliação das habilidades individuais de todos os guarda-vidas, ainda segundo o major Dias, o treinamento prático inicialmente é feito em piscinas, pois diminui o risco de acidentes. “Hoje vamos praticar nado reboque, natação de resgate e natação de sobrevivência para que eles entendam na piscina cada uma dessas técnicas e só a partir de amanhã começaremos a treinar no mar”, afirmou o major.

Na avaliação do instrutor e guarda-vidas, Alex Mendes, funcionário da Defesa Civil há 10 anos, o grupo está muito bem preparado. “O treinamento hoje é focado para desenvolver a parte técnica do trabalho de um guarda-vidas. Os garotos são bons e eu não tenho dúvidas de que a população de Maricá estará muito bem atendida com essa equipe presente nas praias do município”, garantiu o instrutor.

Para Leandro Barreto, de 34 anos, morador de Inoã, e que já fez parte da equipe de guarda-vidas, esse treinamento está muito mais rigoroso que o anterior. “Estou gostando bastante do treinamento e mesmo para mim que já tenho experiência estou aprendendo coisas novas. Os instrutores, inclusive, estão mais exigentes e a preocupação deles em querer ver o pelotão melhor e mais bem preparado é muito legal”, elogiou Leandro.

“Hoje estamos conhecendo como é cada um dentro da água e a nossa principal função como instrutor é lapidar as técnicas com eles, e com isso, nivelar esses guarda-vidas em um padrão de excelência”, frisou o instrutor e supervisor da praia de Itaipuaçu, o guarda-vidas Endrigo Valente, de 35 anos, que há nove anos atua na Defesa Civil de Maricá.

Nesta quarta-feira (17/01) os guarda-vidas estarão na praia de Ponta Negra para o primeiro dia de treinamento no mar. Na quinta-feira (18/01) é a vez da praia da Barra servir de locação para as atividades do grupo e na sexta-feira (19/01), último dia de treinamento, é a vez de Itaipuaçu receber os novos guarda-vidas do município. Os instrutores explicaram que o treinamento em praias diferentes se faz necessário devido as particularidades de cada uma das regiões.

salvadidas

Fotos: Marcos Fabrício

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Últimas Noticias

- Publicidade - spot_img

LEIA MAIS