spot_img

Leia a nossa última edição

Unidos pela arte

Artistas de Maricá criam ateliê para reunir diferentes segmentos artísticos

DSC_0219

Em 2016, nasceu o atelier Noite Estrelada. Criado por um grupo de artistas, veio com a ideia de unir um modelo moderno de produção do moderno e o clássico, entre o ensino e a produção através de profissionais de habilidades múltiplas.

O local, no Flamengo,  oferece oficinas de desenho, pintura, design de moda, escrita criativa, pintura digital, design gráfico, técnica de aplicação e bordado e curso livre de artes visuais. Nas terças-feiras recebe todo público disposto à livre visitação à partir das 14 horas.

“Formamos um atelier que ensina artes de forma clássica, a aproveitando em alguns momentos adaptações para mídias atuais como no caso de criações publicitárias e programações visuais como um todo, objetos personalizados de cunho artístico e material base de produção artística como telas de pintura e tintas”, comentou Érika Pessanha, uma das fundadoras.

Érika é uma das fundadoras e cursou a Escola de Belas Artes. A artista dá aulas de escrita criativa, pintura digital e design gráfico A paixão pelas artes vem desde criança, mas foi depois da faculdade que sua cabeça mudou. “Desde que voltei queria fazer algo. Fiz curso de arteterapia, o que mudou um pouco o meu pensamento. O apoio de amigos como o Geovani e a Mariana foi fundamental”, comenta.

O nome é inspirado em uma obra com o mesmo nome do pintor Vincent Van Gogh. Segundo Érika, assim como a obra deu origem ao nome, o artista é uma de suas maiores influencias, pelo liberdade, desprendimento  e um pouco de loucura.”Queremos oferecer cursos ao longo de um ano, inspirado na Escola de Belas Artes e no Parque Lage. O que fazemos ainda é pouco, precisamos da difusão da arte e esse espaço serve para a integração. Existe um público que gosta de informação de cultura e temos artistas para oferecer essa informação. Realizamos workshops para criar diálogos sobre arte, principalmente para um público mais jovem”, comentou.

Paixão pelos quadrinhos

DSC_0150

Desenhista, quadrinista, pintor e professor, Geovani Rodrigues é um dos artistas que compõe o atelier. Paraibano e morando em Maricá desde 1989, ele é um mestre, daqueles com jeito de clássicos, que esboça um grande sorriso quando percebe que o seu aluno está apaixonado por desenho como ele, como retratou Érica em seu blog.

Geovani lembra que começou a desenhar aos cinco anos de Idade. Ele dá aula e produz também em outros espaços de Maricá, “E, aos 23, eu já trabalhava como profissional de quadrinhos”, conta. Suas grandes influências foram os americanos Jack Kirby (Capitão América), Erick Larsen (Homem Aranha) e Paolo Rivera (X-Men), além do paraense John Bennet (Phoenix), todos colaboradores da Marvel Comics. “Sempre fui apaixonado por quadrinhos”, enfatiza Geovani, que hoje ensina suas técnicas no atelier. “Nossa proposta se baseia num modelo heterogêneo, no qual misturamos moderno e clássico, adaptando, inclusive, para as mídias atuais”, explica.

No ano passado, Geovani foi um dos campeões da Gincana de Pintura realizada pela Secretaria de Cultura de Maricá. Ele conquistou o prêmio na categoria voto popular. O evento, realizado na Praça Orlando de Barros Pimentel, conta com a presença de artistas e visitantes participando em clima de festa e disputa saudável entre os inscritos.

Desenhos de moda

DSC_0184

A moradora do Flamengo Mariana Vieira, de 30 anos é também uma das artistas que colabora com o Noite Estrelada. Formada em Design de Moda, ela é uma das influenciadoras junto com o Geovani para a criação do espaço. Ela dá aulas de desenho de moda. “Comecei em casa, minha mãe tinha um atelier de corte e costura. Decidi que ia me especializar e fui para a faculdade, vi que tinha muito mais a oferecer a eles do que ao contrário, porém foi uma experiência que valeu a pena”, relatou.

Ainda segundo Mariana, Maricá tem uma gama de artistas, mas que infelizmente como acontece em diversos lugares do Brasil não conseguem viver diretamente da arte e precisam fazer outras coisas para poderem sobreviver, o que para ela é muito ruim. “No Brasil, a arte não é tão valorizada, é preciso abrir a mente e saber dar valor ao trabalho de cada artista”, comentou.

Cinema e pintura em aquarela

DSC_0207

Outro colaborador é o cineasta Luis Gustavo de Souza, de 28 anos que dá aula de pintura em aquarela. Nascido em São Gonçalo, atualmente ele mora no bairro Caju e dá aula de artes em uma escola particular. Luis Gustavo disse que pinta desde pequeno, mas que em 2007 isso foi se aprimorando. Em suas obras, Luis conta que usa o estilo pop surrealista e tem como Salvador Dali como uma de suas inspirações.

“Conheço a Érika a muito tempo e sempre tive a ideia de construir algo. A criação desse espaço só vem para fortalecer ainda mais os artistas da cidade que muitas vezes não tem um local para poderem criarem suas obras”, contou ele que também trabalha com animação e já ganhou uma moção honrosa em Festival Internacional de animação.

O atelier Noite Estrelada fica na Rua Ipê, lote 18, quadra H, Flamengo, próximo ao Complexo Esportivo Leonel de Moura Brizola, Arena Flamengo.

Fotos: Thiago Campello

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Últimas Noticias

- Publicidade - spot_img

LEIA MAIS