spot_img

Leia a nossa última edição

Caminhada em homenagem ao Outubro Rosa reúne centenas de pessoas no Centro

2018_10_27_Caminhada_Outubro_Rosa-ELSSON-5725

Em celebração ao Outubro Rosa – ação de conscientização contra o câncer de mama – a Secretaria de Saúde promoveu no último sábado (27/10) a 5ª Caminhada “Pelo Toque de Amor”. A concentração aconteceu na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro, onde foram distribuídas 650 camisas rosas alusivas ao evento. A caminhada foi em direção à Lagoa de Araçatiba e acompanhada por um trio elétrico com apresentação da cantora Jô Borges e aula de zumba. A programação incluiu ainda distribuição de ipês rosa e de diversos brindes.

Em cima do trio elétrico, a secretária de Saúde, Simone Costa, alertou para que as mulheres façam periodicamente o exame de mamografia, uma vez que a doença é umas das que mais mata mulheres no Brasil. “É muito bonito ver esse mar de rosas aqui ser um mar de pessoas que estão engajadas pela sua saúde. Peço aos maridos e filhos que incentivem as esposas e mães a se cuidarem, irem aos médicos e fazerem o autoexame. Isso é muito importante”, discursou.

A dona de casa Marinéia da Costa Lima, de 38 anos, aguardava ansiosa o início da caminhada. “Eu acho ótimo porque incentiva as mulheres a fazerem sempre o exame da mama”, disse. Ao lado de sua amiga, a também dona de casa Maria Aparecida das Graças, de 42 anos, parabenizou a cidade pela iniciativa. “Maricá está de parabéns em promover o evento. Mesmo com esse calor vale a pena participar”, contou

O taxista Danilo Corvelo, de 58 anos, acompanhou sua esposa Irani dos Santos, de 56 anos, na caminhada. “Estou me sentindo o máximo em participar do Outubro Rosa. A galera está toda aí participando. A cidade está de parabéns!”, relatou.

O advogado Rafael Louredo, de 44 anos, resolveu participar da iniciativa, uma vez que recentemente sua mãe falecera em razão da doença. “Acho super importante promover essa confraternização em prol do combate ao câncer de mama e da saúde de forma geral. Acho isso fundamental e deveria ocorrer em todos os municípios do Brasil”, alertou. Sua namorada Carla Sodré, de 41 anos, também chamou a atenção para a causa. “É extremamente importante não só para promover um ambiente sociável, mas também em razão de ser uma questão de saúde e todos têm que se preocupar. É extremamente importante e o apoio da Prefeitura nesse caso é fundamental”, disse a publicitária e gestora ambiental.

No Brasil, a recomendação do Ministério da Saúde, assim como a da Organização Mundial da Saúde e a de outros países, é a realização da mamografia de rastreamento (quando não há sinais nem sintomas), em mulheres de 50 a 69 anos, uma vez a cada dois anos, destacando que o SUS oferece o exame para mulheres de todas as idades, desde que haja indicação médica.

2018_10_27_Caminhada_Outubro_Rosa-ELSSON-5917

Foto: Elsson Campos

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Últimas Noticias

- Publicidade - spot_img

LEIA MAIS