spot_img

Leia a nossa última edição

Nas águas da lagoa do Boqueirão

Projeto Navegar retoma suas aulas de caiaque, remo e vela

2018_10_01_abertura_do_projeto_navegar-fabricio-4891_43288308160_o

Implementado pela primeira vez em 2005 em parceria com o Governo Federal, o Projeto Navegar está de volta à Lagoa do Boqueirão. A nova edição é inteiramente mantida através do programa Esporte Presente.

O projeto oferece aulas de caiaque, canoi (remo) e optimist (vela). Durante as aulas, os alunos conhecem os fundamentos de cada modalidade como os movimentos corretos para a prática esportiva, o nome das peças que compõem a embarcação, o equipamento adequado para navegar, além de aprender sobre os cuidados que se devem ter na água e principalmente com o meio ambiente.

A equipe conta com oito professores, sete monitores, dois coordenadores pedagógicos, a fim de acompanhar o desempenho da turma composta de 20 a 30 alunos durante os quatro meses de curso.

De acordo com um dos coordenadores do projeto, Gilmar de Paula, o intuito do projeto é ensinar os jovens entre 9 e 17 anos além da parte náutica e esportiva. “Queremos trabalhar também com eles a questão da preservação utilizando, por exemplo, garrafas pet para demarcar as raias que vão utilizar. A ideia do projeto é de inclusão, mas temos também contato com potências nesses esportes para direcionar possíveis talentos que venhamos a revelar em nossas aulas”, garantiu.

Regina Scansetti é moradora do Boqueirão e acompanha o neto nas aulas. “Quando ele começou não tinha noção do que se tratava. Hoje, apesar das poucas aulas, ele já conhece bastante sobre a modalidade”, relatou.

As amigas Isabela Silveira e Marcely Dantas chegaram até o projeto quando procuravam vaga nas aulas de natação na sede da secretaria de esportes e descobriram que estavam com inscrições para o Navegar. “Queria que meu filho fizesse uma atividade esportiva. Procurei a natação e vi que tinha esse projeto. As crianças gostam muito. Estão descobrindo um novo esporte”, comentou Marcely.

Para Isabela, o mais legal das aulas é que há uma parte teórica antes deles irem para a água e além de ser um esporte não muito comum.

Para se inscrever nas aulas é preciso ter de 9 a 17 anos de ambos os sexos e se cadastrar na Secretaria de Esporte e Lazer (Avenida Roberto Silveira, 3º andar – prédio da Taco) ou na sede do projeto (lagoa do Boqueirão) de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. As inscrições estarão abertas até o preenchimento das 200 vagas.

2018_10_01_abertura_do_projeto_navegar-fabricio-4877_45052982562_o

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Últimas Noticias

- Publicidade - spot_img

LEIA MAIS