spot_img
spot_img

Leia a nossa última edição

Maricá forma os primeiros agentes de trânsito concursados

Os primeiros 47 novos agentes de trânsito concursados, de um total de 150 aprovados no certame realizado no ano passado, se formaram na última sexta-feira (17/05). Este foi o primeiro concurso realizado pela Prefeitura de Maricá para este cargo. De acordo com a Secretaria de Transportes, os outros agentes estão em formação e deverão estar nas ruas nos próximos meses.

A solenidade foi realizada na quadra do CEPT Zilca Lopes da Fontoura, no Centro. Ao parabenizar os formandos, Fabiano Horta disse que era uma dia de festa mas que também era desafiador.

“O trânsito brasileiro mata demais, é um dos que mais mata no mundo, e vocês sinalizam que escolheram o caminho do ordenamento, e vão construir isso. Caberá a vocês explicar o valor do trânsito e também do poder fiscalizador e punitivo, mas também o valor da vida, mostrando que é possível o diálogo entre o trânsito e o cidadão”, projetou o prefeito.

Para o secretário de Trânsito e Engenharia Viária de Maricá, Dilson Souza, a sensação era de um sonho realizado com este primeiro concurso. “Nossa intenção é servir ao povo, fazer com que a população se sinta assistida e que nossos agentes estejam sempre preparados para isso. Vamos buscar a proximidade com o cidadão em nosso trabalho”, garantiu ele.

Durante o curso de formação, os agentes tiveram aulas básicas de inglês e até passeios turísticos para conhecer melhor a cidade, além de aprender sobre legislação de trânsito. A coordenadora do curso, Liana Borges, recebeu muitas homenagens dos novos agentes e agradeceu aos instrutores pela dedicação. “É uma etapa importante na vida de todos vocês, a famosa ‘virada de chave’. É fundamental agora manter o foco e nunca se desviar dele”, lembrou ela.

Emoção entre os formandos

A agente Aneleh Queiroz, de 31 anos, revelou que chorava a todo momento quando fez o juramento. “A gente passa por muita coisa no curso e antes dele, quando se prapara para o concurso. A sensação é de missão cumprido, mas agora começa outra, tem muita coisa a ser feita”, afirmou a formanda, que mora em Ponta Grossa.

Vindo da cidade vizinha de Tanguá, Eglison de Oliveira teve a presença da esposa e do filho na cerimônia. “São muitos os sentimentos, mas o principal é o orgulho de pertencer a esse grupo. Vamos para as ruas educar o trânsito da cidade”, pontuou o novo agente.

Últimas Noticias

- Publicidade - spot_img

LEIA MAIS